Luxo em todo terreno

Luxo em todo terreno

685
0
COMPARTILHE

Passados 65 anos do surgimento do primeiro Land Rover, a marca que hoje pertence aos indianos da Tata – país que por anos foi dominado por ingleses, continua a povoar o sonho de consumo daqueles que desejam um veículo off-road, robusto, durável e luxuoso. E é isto e muito mais, que a nova Range Rover Sport oferece

 

motor01

Por Haroldo Marinho Fotos Divulgação

 

Ninguém poderia imaginar que, do protótipo do Land Rover montado em cima do chassis de um Jeep, com o volante e o único banco ao centro, pudesse se transformar em um veículo tão belo e desejado em pouco mais de meio século. Se no início todos os modelos eram produzidos em diferentes tons de verde-claro, devido ao excesso de tinta que sobrara da II Guerra Mundial, hoje o cliente pode escolher até mesmo uma cor diferente para o teto do seu modelo escolhido. Pioneira no denominado conceito SUV (Sport Utility Vehicle), a Land Rover apresentou em julho com toda pompa e circunstância a nova Range Rover Sport, modelo que ilustra nossas páginas. Sem fugir da tradição, especialistas garantem que a marca passou a dotar a Range Rover Sport com muito requinte e tecnologia – especialmente nos recursos  para a prática do off-road, para que o modelo pudesse também ser um carro de asfalto. É isso que os clientes brasileiros que estiverem dispostos a desembolsar algo em torno de 350 (modelo Diesel), e 450 mil reais (V8 a gasolina completo), poderão ter a partir de outubro. Data estimativa para o desembarque da nova Range Rover Sport no Brasil.

 

motor02
DNA
Não se enganem se à primeira vista a nova Range Rover Sport, nos fizer lembrar da Evoque. Modelo de enorme sucesso em todo o mundo, inclusive aqui, a Evoque trouxe consumidores mais jovens a admirar e desejar a marca. Essa, digamos, semelhança, não terá sido mera concidência. Afinal, a nova Range Rover Sport é bem mais moderna e foi inspirada no bem-sucedido SUV médio.

 

motor03

 

Se na primeira geração, suas linhas eram focadas na robustez e volume, elas agora exaltam seu lado esportivo e descolado. Como em sua parte frontal, que ficou mais angulosa e com para-brisa inclinado. Também está muito mais leve graças a carroceria em alumínio – se utilizou a mesma plataforma do Range Rover Vogue, que acabaram afinando em 420kg, o modelo 3.0 V6 turbodiesel, do seu antecessor. Na comparação com a versão 5.0 V8 a gasolina, a redução de 179 quilos, apesar de ser menor também surpreende. No quesito design, suas linhas são modernas, sem nenhum excesso, agradando ingleses e indianos. No interior, luxo e tecnologia se complementam, dando um toque de sofisticação, mas sem extravagância. Assim como em seu acabamento. Podemos dizer, que ela continua sendo como autêntico inglês – refinado, elegante, mas nada de parecer esnobe. O novo fôlego do Range Rover Sport vem acompanhada por uma roupagem moderna, inspirada sem nenhum constrangimento no super bem-sucedido SUV médio Evoque. O desenho da primeira geração ressaltava principalmente a robustez do modelo, com uma frente reta e volumosa e traseira truncada. Agora, as linhas exaltam a esportividade, com a parte frontal mais angulosa e para-brisa bem inclinado. Assim como seu conjunto ótico esticado nas laterais em direção ao para-lamas e colunas em preto que reduziram os 1,78 metro da altura do modelo. A nova Range Rover assim como a Evoque, proporciona aos clientes várias possiblidades e combinações de cores diferentes para o teto e a carroceria.
Foram aproximadamente 400 km percorridos em dois dias entre a Inglaterra e País de Gales, incluídos trechos rodoviários, urbanos, de terra e off-road de vários níveis. Por exemplo, uma passagem de uns 200 metros por dentro de um rio com aproximadamente 80 cm de profundidade, pensado para acionar o sensor de profundidade.

 

motor04

Passando a limpo
Range Rover Sport – motor 3.0 diesel: biturbo, seis cilindros em “V”, quatro válvulas por cilindro e comando duplo de válvulas no cabeçote. Injeção Common Rail e acelerador eletrônico. Potência máxima: 292 cv a quatro mil rpm. Aceleração de 0 a 100 km/h: 7,2 segundos. Velocidade máxima: 210 km/h. Peso: 2.115 kg.

motor05

 

Range Rover Sport – motor 3.0 gasolina: supercharger, seis cilindros em “V”, quatro válvulas por cilindro e comando duplo variável de válvulas. Injeção direta de combustível e acelerador eletrônico. Potência máxima: 340 cv a 6.500 rpm. Aceleração de 0 a 100 km/h: 7,2 segundos. Velocidade máxima: 210 km/h. Peso: 2.144 kg.

 

motor06

 

Range Rover Sport – motor 5.0 gasolina: oito cilindros em “V”, supercharger, quatro válvulas por cilindro, comando duplo no cabeçote e comando duplo variável de válvulas. Injeção direta de combustível e acelerador eletrônico. Potência máxima: 510 cv entre 6 mil e 6.500 rpm. Aceleração de 0 a 100 km/h: 5,3 segundos. Velocidade máxima: 225 km/h.  Peso: 2.310 kg.

 

motor07

 

Transmissão: câmbio automático com oito marchas à frente e uma a ré. Tração permanente nas quatro rodas com diferencial central e traseiro blocantes. Oferece controle eletrônico de tração. Suspensão: dianteira do tipo double wishbone com dois braços inferiores e molas pneumáticas. Traseira independente do tipo multilink com molas pneumáticas. Oferece controles eletrônicos de altura e de estabilidade. Pneus: 275/45 R21. Freios: discos ventilados na frente e atrás, assistidos por ABS, ETC, DSC, HDC, EBD e EBA. Carroceria: utilitário esportivo em monobloco de alumínio com quarto portas e cinco lugares. Com 4,85 metros de comprimento, 1,98 m de largura, 1,78 m de altura e 2,92 m de distância entre-eixos. Tem airbags frontais, laterais, de cortina e de joelho para motorista e passageiro. Capacidade do porta-malas: 784 litros. Tanque de combustível: 105 litros. Altura mínima do solo: 20,0 cm (26,5 cm no modo off-road). Ângulo de ataque: 25,8º (31º no modo off-road). Ângulo de saída: 26,4º (30,9º no modo off-road).

 

motor08

Capacidade de imersão: 85 cm. Fabricação: Solihull, Inglaterra.  Itens de série: ar-condicionado de duas zonas (três na versão V8), direção assistida, trio elétrico, bancos com ajuste elétrico, memória e aquecimento, cruise control, sensor de luminosidade e de chuva, sistema de auxílio de funcionamento off-road automático, medidor de profundidade, sistema de som Meridian com 29 alto-falantes, tela central sensível ao toque, GPS, monitoramento de ponto cego, airbags frontais, laterais, de cortina e de joelho, faróis de xenon, rádio/CD/DVD/MP3/USB/iPod/Bluetooth, câmera de ré e duas telas adicionais atrás dos bancos dianteiros. Ufa!binaryclub набор косметики Рос какой планшетgoogle раскрутка сайтаразработка туристических сайтовчто делать если очень сильно болит зубдетские игры пазлыкухня цена

COMPARTILHE
Artigo anteriorEspaço gourmet
Próximo artigoEmbaixador cultural

Sem comentários

DEIXE UMA RESPOSTA

*